Esoterismo, Lendas, Mitos, Parapsicologia, Auto-Ajuda. kiber-sitherc@sapo.pt

14
Jul 10

 

            Vénus simbolizou sempre os elementos afectivos da personalidade e o lado feminino do ser. Dá a doçura, a feminilidade, a graça.

 

            Quando se encontra no céu do nativo do Leão, toma a cor desse signo. A ternura torna-se paixão; a beleza é ideal e clássica, admirável e brilhante; a alma é nobre e grande.

 

            Todo o sentimento ultrapassa o quadro médio do quotidiano, e cada gesto é aumentado em afectividade, em graça, em expressão.

 

            Este planeta arrisca-se, por vezes, a desvirilizar o indivíduo; isto sucede em outros signos; mas não no signo do Leão, cujo próprio poder, intrínseco, dado pelo Zodíaco, não aceitaria ver-se diminuir ou desvirilizar.

 

            Quando muito, em vez da acção concreta e selvagem, orientar-se-á para uma expressão artística. Mas esta arte será superior e genial.

 

            Com aspectos positivos revela sentimentos fortes, fogosos e apaixonados. Exigem ser amados. Generosos nas coisas do amor, não têm complexos ou limitações, pelo menos no que se refere aos sentimentos. Entrega incondicional de si mesmo.

 

            Afectuosidade ardente. Amor às crianças. Lealdade a toda a prova. Atracções por todas as belezas do mundo, sentido crítico seguro no que se refere à arte, sendo os seus juízos ditados, porém pelo sentimento. Generosos em todas as coisas, nem por isso primam pela ordem.

 

            Com aspectos negativos revela uma pessoa sugestionável, hipersensível e apaixonada no amor. Tendência a voltar-se para as vivências passadas. Gosto de coleccionar. Tendência para um casamento tardio.

 

PROF. KIBER SITHERC

 

kiber-sitherc@sapo.pt
publicado por professorkibersitherc às 23:11


contador

contador
pesquisar
 
mais sobre mim
blogs SAPO