Esoterismo, Lendas, Mitos, Parapsicologia, Auto-Ajuda. kiber-sitherc@sapo.pt

13
Nov 10

 

            É um sonho frequente. O sonhador encontra-se num caminho que se divide em várias direcções e não sabe que caminho há-de seguir para ir onde pretende chegar, se bem que na maior parte dos sonhos o sonhador não saiba para onde vai. E se trate de saber que o caminho o conduzirá mais velozmente a “algum sítio”.

 

            É um sonho típico do indivíduo a quem falta ideais e ambições, a quem se oferecem várias possibilidades e não sabe qual seja a melhor.

 

            Se sonhar com uma encruzilhada, reconsidere a sua própria personalidade, vá para algum sítio onde possa estar só e medite sobre a sua vida. Está aqui para ser útil a si próprio e aos outros e deve conceber um programa de vida.

 

            Se você se encontra diante de várias possibilidades de acção, escolha a que lhe pareça mais justa, menos degradante, que lhe permita também agir, projectar a sua personalidade naquilo que fizer.

 

            Se nessa encruzilhada dos sonhos se vir já num caminho, isso será indício de que já escolheu entre várias possibilidades e, talvez, se interrogue se escolheu a melhor. Em tal caso, tem em conta que o caminho recto, o que se encontra diante de si, é o normal, o programado pelo seu destino.

 

            O que dirige para a sua esquerda é o do retorno ao passado. Se tomou esse caminho, isso indica que se acobardou, que lhe parece penoso seguir em frente e que se dirige para uma situação de segurança, para um infantilismo gerador de protecções e nela encontrará sob a tutela de uma personalidade forte.

 

             O caminho da direita é a via rápida para o futuro, a que comporta experiências fortes e dolorosas, mas é o atalho que lhe permitirá situar-se à frente dos outros. Se tomar esse caminho, interrogue-se antes se possuir a força necessária para suportar as provas.

 

PROF. KIBER SITHERC

 

 

kiber-sitherc@sapo.pt
publicado por professorkibersitherc às 21:31


contador
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


contador
pesquisar
 
mais sobre mim
blogs SAPO